Emissão Online Direto ·
18.02.2012

Monumento ao primeiro ministro de regresso a Torres Vedras

A Embaixada do Carnaval de Torres Vedras deslocou-se esta manhã à Residência Oficial do Primeiro Ministro, em Lisboa, como forma de protesto pela (in) tolerância da terça-feira de Carnaval.

Reis do Carnaval, Confraria do Carnaval, Ministro e Matrafonas, Marias Cachuchas, cabeçudos, Zés Pereiras, Rufos e Roncos, presidente da CM e presidente da Promotorres, entre muitos outros mascarados, foram os cerca de 250 embaixadores.

Numa ação pacífica, foram entregues os nossos pastéis de feijão, vinho de Torres Vedras, tomates e algumas ofertas que documentam a história do Carnaval mais português de Portugal. Também cerca de 9.000 cartas, escritas pelos meninos que participaram no corso escolar, foram entregues.

Incompreensivelmente, não foi permitido que deixássemos o Monumento a Pedro Passos Coelho... nem a Embaixada teve qualquer receção...
Mais uma manifestação de INTOLERÂNCIA.

O presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Miguel, deixou também um novo convite ao primeiro ministro para que efetue uma visita de trabalho na próxima terça-feira.

Obrigado a todos quantos participaram nesta manisfestação, pacífica, e que encheu de alegria, animação e muita cor as ruas por onde passou.

Acompanhe-nos também em www.facebook.com/carnavaldetorresvedras